Estrutura do Curso

Conforme estabelecido no Projeto Pedagógico do Curso de Graduação em Letras: Licenciatura dupla Português e Francês:

"2.6   Duração  e  Integralização  da  Licenciatura  Dupla

Apesar dos pontos favoráveis que subentende a instauração de uma Licenciatura Dupla (...), não se devem ignorar os pontos negativos de que poderia impregnar-se esta instalação.

Objetivamente, resumem-se ao fato de que, para evitar-se uma duração muito longa, o curso teve que limitar-se, quanto ao item Formação Específica, a um número reduzido de disciplinas obrigatórias, que
serão ofertadas dentro dos limites atuais do corpo docente disponível. 

O alvo a ser alcançado consiste em manter vivo o interesse do público estudantil alvo, o que levou a proceder-se uma redução de duração do Curso a um mínimo de 4 (quatro) anos e meio, pois um Curso muito longo não se justificaria, haja vista a atual pouca rentabilidade em termos de numerário que atinge a profissão de professores de Ensino Fundamental e Médio.

Para uma sistematização mais objetiva das opções escolhidas, adianta-se que foi conferida uma predominância nos primeiros três anos à formação relativa ao Português, composta essencialmente de
Disciplinas da Formação Específica, de Laboratórios de Práticas Culturais em LM. Os Estágios Supervisionados principiam naturalmente pelos da Língua Materna, compostos de 2 (duas) unidades de 100 (cem) horas, a partir da segunda metade do Curso, em 6º Período . Os de LE Francês, compostos igualmente de 2 (duas) unidades de 100 (cem) horas, serão oferecidos nos dois últimos Períodos.

Ademais, diga-se que esta distribuição curricular, com predominância inicial dos créditos de LM, leva em conta a adaptação progressiva do antigo sistema de Licenciatura ao atual, uma vez que os professores em
LE, em número ainda reduzido, deverão ainda assegurar as disciplinas do currículo antigo. Este é pois um cálculo distributivo, que visa a assegurar concomitantemente o antigo e o novo currículo, abarcando em
especial os três anos iniciais de implantação da Licenciatura Dupla. 

Posteriormente, esta distribuição dará conta da implementação sucessiva das diferentes Licenciaturas Duplas em Neolatinas, ao todo três, Espanhol, Francês e Italiano, que se revezarão, contínua ou
descontinuamente, a cada semestre, partilhando-se eqüitativanente nos caso em que ocorram o número total de vagas de 50 (cinqüenta) estudantes: 25 (vinte e cinco) em Letras/Português e 25 (vinte e
cinco) na Língua Neolatina ofertada sucessivamente."

 

Texto extraído integralmente do PPC Letras: Licenciatura dupla Português e Francês

 

(Postagem atualizada por Prof. Dr. Roberto Perobelli de Oliveira, em 18 de fevereiro de 2016, às 16h26)

Transparência Pública
Acesso à informação
Reuni

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910